Sessão de autógrafos do livro “A Sociedade Justa e Seus Inimigos”, editado pela Tomo Editorial com o apoio do IJF, dia 03 de novembro na Feira do Livro em Porto Alegre.

 

1414944_548397555230143_804916344_o

No final da tarde do dia 03 de novembro os organizadores do livro “A Sociedade Justa e Seus Inimigos”, Marcelo Ramos Oliveira e Antonio David Cattani, associados ao Instituto Justiça Fiscal – IJF, participaram de uma sessão de autógrafos na Feira do Livro de Porto Alegre, organizada pela Tomo Editorial. Previamente à sessão, os organizadores haviam debatido os principais aspectos enfocados no livro em palestra realizada nas dependências do Banco Santander.

 

O livro aborda os mecanismos que ocultam e protegem os principais inimigos da justiça social. Nele, o leitor poderá conhecer o “Bolsa Rico”, que transfere recursos para pagamentos da dívida pública, beneficiando as classes de mais altas rendas. descobrir porque o Sistema Tributário é altamente regressivo e facilita a apropriação privada da riqueza, examinar legislações que favorecem práticas criminosas e “viajar” pelos paraísos fiscais.

 

1414944_548397558563476_2003908434_o

 

A idéia central da publicação, que teve o apoio do IJF, é a de contribuir para identificar os instrumentos e as práticas que reproduzem as desigualdades, vez que a injustiça se materializa nas formas escusas de apropriação da riqueza. “O problema da distribuição da renda e da riqueza continua simploriamente associado à capacidade individual, como se o acesso a uma vida melhor dependesse única e exclusivamente da iniciativa de cada um. Permanece encoberta a injustiça social intrínseca aos processos de concentração da renda e da riqueza”, como já nos é revelado na leitura da “orelha” do livro.

Segundo Antonio David Cattani, o livro “é uma obra coletiva reunindo pensadores e pesquisadores extraordinários em torno dessa temática crucial que é a justiça fiscal. São obras diversas abordando a questão da previdência, sistema tributário, paraísos fiscais e uma discussão teórica também sobre a situação brasileira e a busca de alternativas para uma sociedade mais justa”.

Para Marcelo Ramos Oliveira, “o livro é uma tentativa de mostrar quais os instrumentos que foram construídos ideologicamente ao longo do tempo e que justificam a desigualdade social existente no país”.

 

1441402_548397561896809_1515251715_n

Oliveira cita ainda que “o IJF surgiu para trazer a idéia de que a justiça fiscal é uma questão que permeia nossa vida diária”. Existem instrumentos no nosso dia-a-dia, que nem percebemos, que atuam contra uma sociedade igualitária e por isso mais justa. Para ele “uma sociedade mais justa vai ter menos problemas com violência, educação melhor, saúde melhor e é isso que nós queremos, uma sociedade melhor para todos.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: